dos passeios de verao: Castelo de Gussing

Os passeios de verao foram muitos e como a falta de atualizacao do blog foi grande, tenho uma lista de posts que gostaria de fazer, talvez alguns saiam do papel… Dentre os meus passeios favoritos na Europa estao sempre as visitar a castelos, sou encantada por eles. Muitos sao mundialmente conhecidos, outros apenas na sua regiao e a Austria na fica atras no quisito castelos, sao muitos por aqui.

No inicio do verao fizemos uma visita ao castelo de Gussing, na tambem cidade de Gussing, bem proxima de onde moramos. Este castelo nao e o mais bonito que ja vi, mas como todos os castelos tambem possui seus encantos.

IMG_1106

IMG_1104

A caminhada ao castelo se inicia por esse portal, acho que por ele ja se tem uma boa ideia do encanto do castelo. O castelo de Gussing e o castelo mais antigo do estado da Burgenland na Austria, construido em 1157. O castelo quando construido pertenceu a uma familia nobre da regiao da Austria e do Reino da Hungria.

IMG_1107 2015-05-16 (2) IMG_1112

Apesar da construcao nao ser pomposa este castelo na minha opniao e uma reliquia e ele da todo um charme especial a cidade de Gussing e me alegra poder fazer um passeio perto de casa e tomar um cafe no jardim de um castelo medieval.

What to see in Trieste

Trieste ja fez parte do imperio Austro-Hungaro e por isso varias das construcoes da cidade, como os palacios na praca principal possuem estilo arquitetonio austriaco e nao italiano. Talvez seja essa historia da cidade e diversidade do que se ve ali que a torne tao atraente. Trieste esta tambem praticamente na fronteira com a Eslovenia e o esloveno muitas vezes e falado em Trieste. Os cardapios de restaurantes por exemplo estao em italiano, alemao e esloveno. A lista de pontos turisticos a serem vistos na e imensa em Trieste, mas a cidade tem ainda sim muita coisa interessante para ser vista e na minha opniao e uma boa cidade para se visitar com criancas.

A Piazza Unita d’Italia e o ponto de partida para uma visita a Trieste. Ela e a praca principal da cidade e ja ouvi de varias pessoas que ela e uma das pracas mais bonitas da Italia, as construcoes e o tamanho da praca sao impressionasnte,  sem mencionar que ela esta em frente ao mar.

//Trieste was once part of the Austro-Hungarian empire and a lot of things starting by its architecture style reflect its history. The city is very close to the border with Slovenia. The Slovenian language is sometimes spoken in Trieste, restaurant menus are in Italian, Slovenian and German. One of the things I really liked in Trieste as a tourist is that the list of things to see isn’t really too big. It’s one of those cities you can visit without stress of things to see and it’s a good destination for those traveling with kids. The things interesting to be seen in Trieste are:

 In downtown Piazza Unita d’Italia is a must see. Like I’ve mentioned in my previous post, it’s the main square of Trieste and its know for being one of the most beautiful squares in Italy. The square is so large and the buildings are so impressive.

SONY DSC

O castelo de Sao Justo fica no alto saindo da Piazza Unita, ele eh um forte. A parte externa do forte eh um memorial com lindas vistas da cidade e do golfo de Trieste. Logo abaixo das paredes do Castelo fica a Catedaral de Sao Justo. Na catedral estao os restos mortais do santo e eh uma igreja muito bonita. Descendo  em direcao oposta a Catedral de Sao Justo fica a Basilica de Santa Maria Maggiore e ao lado uma igreja menor, a Igreja de Sao Silvestre.

//Castello di San Giusto – To see it you have to head uphill from the waterfront where you’ll see the town’s fortress, the Castello di San Giusto. The outside garden of  San Justus’ castle is a memorial, where you can have beautiful views of Trieste and the sea. Just bellow the castle’s walls is the Cathedral of San Giusto. The cathedral hosts the remains of St. Justus and is a very pretty building. Going downhill if you go the opposite direction from St. Justus Cathedral you will get to Basilica di Santa Maria Maggiore. Right next to the Basilica is a much smaller church,  San Silvestro church.

SONY DSC

Castello di San Giusto and Memorial

SONY DSC

SONY DSC

View of the City and Gulf of Trieste / Vista da cidade e do golfo de Trieste

SONY DSC

Basilica San Maria Maggiore and San Silvestro church on the right.

Descendo as escadas ate o centro da cidade se tem uma vista bonita da cidade e embaixo se estao bem proximo do antigo teatro romano e suas ruinas. Este teatro foi construido no seculo I e foi muito bem preservado.

//Taking the steps down from the church you’ll be close to the old Roman Theater and ruins. Considering that it’s construction dates the 1st century it was very well preserved.

SONY DSC

SONY DSC

Old Roman Theater / Antigo teatro romano e ruinas

O Farol da Vitoria (Faro della Vittoria) e um farol ativo que serve para o golfo de Trieste, localizado na montanha de Gretta. Ele possui a estatua de um anjo no topo e eh um dos mais altos farois do mundo com 68m de altura. O farol chama a atencao do visitante, pois ele  pode ser visto de muitas areas da cidade.

//Faro della Vittoria – Victory Lighthouse. It’s an active lighthouse serving the gulf of Trieste, located on the hill of Gretta. It has a statue of an Angel on the top and is one of the tallest lighthouses in the world (223 feet/ 68 meters). This got my attention the first time I went to Trieste. As I drove down the road to get from the highway to the downtown, this angel can be seen from everywhere as if it’s  looking over the city.

IMG_0861

Trieste, again

Trieste no norte da Italia e a minha cidade preferida na Europa. Trieste tem tudo que me agrada em uma cidade: a agua, as aguas cristalinas do Mar Adriatico, a atmosfera das cidade e fantastica, sempre muita gente circulando, rindo, curtindo a vida por la, muitos cafes, lindas construcoes historicas, castelos e boa comida. Minha alegria em Trieste comeca logo que dirigimos a estradinha em declive cheia de curvas ate o centro da cidade. La de cima se tem lindas vistas da cidade e se pode ver nos terracos e varandas das casas os residentes da cidade curtindo mais um dia de sol na linda Trieste.

Trieste on the north of Italy is by far my favorite city in Italy. It simply has everything I like the most: the water, the clear waters of the Adriatic Sea, the Italian vibe of a middle size Italian city, lots of cafes everywhere, beautiful old constructions and good food. It’s my third time in the city, for me to go back to a city in Europe while I still have a long list of to visit places, it has to be for a very special reason.My excitement in Trieste starts when we drive down the narrow steep curvy road to the downtown of the city. From the car I can see the residents of Trieste sitting in their houses balcony enjoying a sunny day  with the beautiful view of the clear waters of the Adriatic Sea.

IMG_0863

Nas minhas tres visitas a cidade ja descobri o que me encanta ali.

//During my 3 visits to the city I figured out what really makes Trieste special to me.

1. Piazza Unita d’Italia, e a maior praca da cidade e uma das pracas mais bonitas que ja vi na Europa. Na praca se misturam construcoes austriacas e alguns monumentos italianos. A cidade no passado ja pertenceu ao imperio Austro-Hungaro. Tudo na praca e lindo: os palacios, a fonte.

// Piazza Unita D’Italia is the biggest square in Trieste and one of the most beautiful squares I’ve seen in Europe. The beautiful old constructions, fountains, sculptures in the square.

IMG_0875

SONY DSC

2.  Andar pelo pier do centro da cidade, em frente a Piazza Unita d’Italia sempre faz parte da minha visita a Trieste. De la se tem uma vista linda para os Alpes. Imagine so a vista a sua frente: Mar Adriatico e Alpes ao fundo.

//A walk in the downtown pier is always included in our day trips to Trieste. From the pier you have an amazing view: the Adriatic See right in front of you and the Alps behind it.

IMG_0920 #

3.Caminhar pela orla de Barcola. Barcola e uma vizinhanca na cidade de Trieste e na minha opniao a area mais gostosa da cidade para se fazer um passeio. Na orla ficam parquinhos para crianca, barzinhos, restaurantes, um ambiente muito gostoso e seguindo a avenida principal ate o fim, fica o Castelo de Miramare, parada obrigatorina quando se esta em Trieste. Para se chegar a esta area, saindo do centro da cidade, segue-se a viale Miramare (sentido Veneza).

//A walk in the Barcola, the seaside neighborhood is one of my favorite things to do in Trieste. In this area there are children playgrounds, bars, restaurants, it’s such a nice area with a beautiful view of the Adriatic Sea.

SONY DSC

4. Ir ao Castello di Miramare. Sempre que vou a Trieste imendo uma caminha pela orla Barcola com uma visita ao castelo. Este e o meu passeio favorito na cidade, nem preciso dizer porque, a foto fala por si mesma.

// A visit to the Castello di Miramare is a must when in the city of Trieste, my favorite place there, I don’t have to explain why, it speaks for itself.

IMG_0933-001

5. Ir a um dos muitos gostosos cafes da cidade. Em Trieste faco questao de parar em um cafe seja para um cafezinho ou um cocktail.  A verdade e que nem sou tao fa de cafe, mas amo assentar  nos cafes europeus e curtir o ambiente.

In downtown Trieste we always make a stop for a coffee or a cocktail. I just love to sit in one of the downtown’s Cafe and enjoy the view of the city and people walking by.

IMG_0892

Vilnius

Uma visita a Lituania tera como ponto central a cidade de Vilnius, a capital do pais. Grande parte das construcoes historicas da cidade foram tombadas pela UNESCO como patrimonio mundial. O centro de Vilnius e a area agitada da cidade e nesta area encontra-se de tudo que se encontraria em qualquer capital europeia. A noite o centro da cidade fica bastante movimentado e no verao o numero de turistas e grande tambem. Em 2009 Vilnius foi a capital europeia da cultura, juntamente com Linz, cidade da Austria, o que demonstra a importancia cultural de Vilnius no continente europeu. Alem de lituanos, a populacao de Vilnius e formada de judeus, russos, poloneses e belorussos. Na minha opniao como o pais ainda nao e um dos principais destinos turisticos da Europa, na Lituania ainda se sente a verdadeira europa sem toda aquela comercializacao. Vilnius e uma cidade muito bonita de se visitar, facil de ser conhecida, segura para o turista e ainda oferece um turismo de qualidade e relativamente barato.

O centro de Vilnius e cheio de lojinhas, tambem lojas de marcas internacionais, restaurantes, bares, cafes. As casinhas coloridas e igrejas em estilo barro, que um pouco fazem lembrar construcoes do Brasil, fazem parte do centro de Vilnius. Vilnius me passa sempre ideias contraditorias uma mistura de cidade do interior e cidade grande, uma mistura de moderno e antigo, uma cidade que tenta se abrir para o mundo e ao mesmo tempo esta ligada ao seu passado sovietico.

SONY DSC SONY DSC 040-001 SONY DSC SONY DSC

Lithuania

Falar da Lituania para mim, e bem mais do que falar de um dos paises que visitei na Europa. A Lituania e a terra do meu marido e onde ja morei por seis meses. A Lituania (Lietuva) juntamente com a Letonia e Estonia sao as novas republicas do Baltico (Mar Baltico) ao norte da Europa. A Lituania se tornou independente em 1991 apos a dissolucao da Uniao Sovietica. Lituanos nao sao russos, russos que residem na Lituania nao sao lituanos e a lingua da Lituania nao e e nem se parece com o russo. O idioma oficial da Lituania e o lituano, uma lingua que pertence ao grupo de linguas onde somente ela e o letao, idioma da Letonia, fazem parte, diferente do que muita gente pensa o lituano nao e uma lingua eslava. Durante a epoca da integracao a Uniao Sovietica, a populacao residente em areas com grande numero de imigrantes russos ou criancas em idade escolar aprenderam o idioma russo, mas tenho amigas lituanas que nao falam o russo pois nao moravam em area de grande influencia sovietica e nem estavam na escola neste periodo historico. Portanto, e errado dizer que todo lituano fala o russo tambem.

No passado a Lituania foi um pais de destaque economico na Europa, com destaque na sua producao agricola, porem a invasao sovietica colocou o pais em um estado de atraso tecnologico e economico do qual o pais nao se recuperou ate os dias de hoje, como os demais paises que fizeram parte da Uniao Sovietica. Quando estive no pais tive a impressao que esta area da Europa continua um pouco isolada, o turismo nos paises do Baltico hoje ja e bastante divulgado , mas ainda nao se ve muitos estrangeiros circulando em areas residencias da capital Vilnius e a populacao local chega a estranhar quando ve um estrangeiro, como eu, andando em area nao turistica da cidade.

Vilnius, a capital do pais, e uma cidade moderna, onde se preservou bem a area historica no centro da cidade, mas tambem se desenvolveu de forma um tanto moderna. Uma coisa que me chamou a atencao e como a cidade e verde, sao muitas areas de floresta nativas e parques espalhados por Vilnius. No verao as temperaturas sobem e se sente uma forte humidade e se tem longos dias de verao, como todo o norte da Europa, o dia escurece por volta das nove da noite, ja no inverno, este e rigoroso, comeca cedo e e longo. No ano que morei na Lituania, o final do mes de outubro ja registrava temperaturas tipicas de inverno e com neve tambem e em meados do mes de janeiro, os termometros em Vilnius registravam -25 C, o inverno mais rigoroso que ja vi na Europa.

O turismo na Lituania e barato e diria que e um bom pais para se ter uma ideia verdadeira sobre o leste europeu. Na capital se come muito bem e por muito pouco nos restaurantes, cafes e bares da capital lituana, o que agrada bastante os turistas. No verao os lituanos frequentam as praias do litoral do pais, mas outra opcao sao os lagos, que ficam cheios nos meses de calor. Os parques da capital tambem sao muito frequentados no verao, seja por familias com criancas, adultos em busca de um local para tomar sol ou se exercitar ao ar livre. O pais ganha novos ares no verao, e uma Lituania diferente. Ha muitos shows e concertos ao ar livre e a vida noturna de Vilnius nao deixa nada a desejar.


To talk about Lithuania for me it means a little more than just a country I’ve visited in Europe. My husband is from Lithuania and I’ve actually lived in the capital Vilnius for six months. Well, Lithuania together with Latvia and Estonia are the three new Baltic republics on the north of Europe. Lithuania became independent in 1991 after the end of Soviet Union. Just to clarify a few things Lithuanians are not Russians, their language is not Russian and not all Lithuanians speak Russian. In Lithuania the language spoken is Lithuanian, that doesn’t even has similarities with the Russian language.

In the past Lithuania had a strong economy based in agriculture, but the good old days were ended with the Russian invasion, today the country is not one of the strong European economies. Vilnius the capital is a modern city, with a very well preserved historic downtown. The city is very green, inside of the city the green is seen everywhere, there’re forests in the city, big parks and gardens. In the summer the temperatures can get high, but to me a Brazilian, the Lithuanian Winter was cruel, very cold with temperatures like -25C.

The tourism can be cheap and I’d say that a visit to Lithuania can give you a good idea of what eastern Europe really is. Vilnius is really pretty in the summer, a lot of events take place outdoors like concerts and the downtown is very busy at nighttime.

SONY DSC SONY DSC SONY DSC

Budapest, part II

Ao lado leste do rio Danubio, fica Peste, o centro urbano da cidade de Budapeste. Em Peste algumas das atracoes turisticas sao o Parlamento, a Basilica (Catedral de Sao Estevao), a grande sinagoga (2a maior sinagoga do mundo) e o museu judeu, a Opera, a Academia de Musica, o Teatro Nacional. A Avenida Andrassy, tambem entra entre as areas da cidade a serem visitadas. A avenida foi feita com inspiracao na Champs Elysees de Paris, nela ficam a Casa de Opera, o parque da cidade, e a Casa do Terror, hoje um museu, antigo local de prisao e tortura utilizado por governos nazista e comunista.  No final da avenida Andrassy, fica a famosa Praca dos Herois. Para quem quer relaxar um pouco durante o passeio a Budapeste ou para quem viaja com criancas uma visita ao Parque da Cidade tambem deveria ser incluida durante a visita a cidade.

Alem dos pontos turisticos o centro de Peste possui muitas lojas, lojas de nome internacional e tambem boutiques locais, muitos saloes de beleza e spas, lojinhas com souvenirs com bordados em linho, temperos a base de paprika (pimentao), o principal condimento da comida hungara (tudo leva paprika na Hungria) e varias opcoes de restaurantes, onde se pode experimentar pratos tipicos da comida hungara como frango a paprika e a sopa goulash.


On the east side of the Danube River is Pest, the urban center of Budapest. On this side of the city some of the attractions are the Parliament, St. Stephen’s Cathedral, the Great Synagogue and the Jewish Museum, the Opera House, the Music Academy, and the National Theater. Andrassy Boulevard is also one of the points to be seen. Along the boulevard are other points of interest in Budapest like the City Park, the Opera House, the House of Terror, today a museum, but it was a prison and torture site for Nazi and communist police. At the end of the boulevard is the famous Heroes Square. Besides the touristic attractions in Pest is where the real Budapest comes to life. The downtown is full of restaurants, stores, some famous international brands but also local boutiques, shops selling Hungarian souvenirs, markets, and many beauty salons and spas, to me this is a trace of Hungary. The night life of the city is also busy in the Pest side. While in Budapest I followed my Hungarian friend advice and I tried the typical Goulash Soup, a beef or pork stew with lots of paprika (the main spice in the Hungarian cuisine) and the Paprika Chicken.

SONY DSC SONY DSCSONY DSC

Ponte das Correntes vista do lado de Peste – Old Chain Bridge seen from Pest side.

SONY DSC SONY DSC

 A avenida Andrassy e a Praca dos Herois / Andrassy blv. and Heroes Square

SONY DSC

Basilica de Sao Estevao / St. Stephen’s CathedralSONY DSC SONY DSC

Parque da cidade na Av. Andrassy / City Park

SONY DSC

 O Parlamento / The Parliament

Budapeste, parte I

Se fizesse hoje uma lista das tres capitais mais bonitas que ja visitei na Europa, Budapeste estaria sem duvida nesta lista. Se fizesse ainda uma lista das capitais do leste europeu mais bonitas, Budapeste seria a primeira cidade da lista. A arquitetura da cidade e muito bonita, daquelas que voce nao pode deixar de ver se estiver na Europa. Budapeste na verdade sao duas cidades: Buda e Peste, unidas em 1873 formando a entao cidade de Budapeste. Os lados Buda e Peste sao separados pelo rio Danubio e ligados por varias pontes que dao um charme especial a cidade. A cidade possui 10 pontes, sendo a mais famosa a Ponte das Correntes.

Buda, ao oeste do rio Danubio e conhecida como  o lado de prestigio da cidade, a area historica de Budapeste. La fica o Castelo de Buda, uma das principais atracoes turisticas da cidade. Ele e o castelo historico dos reis da Hungria em Budapeste, tambem chamado de Palacio Real, que sedia hoje o Museu de Historia Hungara. No alto desta colina e o  distrito do Castelo, onde tambem ficam outros importantes pontos turisticos da cidade: 1. A Igreja de Sao Matias, famosa pelo seu telhado de azulejos coloridos, 2. o Bastiao dos Pescadores, um monumento com sete torres a beira da colina de onde se tem uma linda vista do lado Peste da cidade, com o predio do Parlamento bem em frente do outro lado do rio Danubio.

SONY DSCSONY DSC

Acima vistas do lado Buda da cidade, na primeira foto se ve o predio do Palacio Real no canto da direita. Na segunda se ve a Igreja de Sao Matias e o Bastiao dos Pescadores ao lado.

SONY DSC

O telhado colorido da igreja de Sao Matias

SONY DSC

SONY DSC

 O monumento o Bastiao dos Pescadores com a vista para Peste e o predio do Parlamento Hungaro.

SONY DSC

O castelo de Buda com seus gardins, esculturas e fontes.

SONY DSC